O Mundo da Vela, notícias de testes de Novas Barcos, Veleiros, Lanchas, os barcos mais incríveis, Super Lançamentos, Videos das novidades do Mundo Náutico

Entre em Contato!!

terça-feira, agosto 25, 2015

Rolex Fastnet Race - Pampeiros - Super Veleiro - Open 60

SPINDRIFT

A Rolex Fastnet desse ano foi uma das que 
menos vento teve, a largada foi um cacareco,
os barcos se arrastavam e quando virou a maré
vários barcos tiveram que jogar âncora para não
voltar tudo que tinha conquistado. Nós esperávamos
uma briga sensacional entre os Multis e os Maxi,
seria a hora da verdade, porém o tempo não ajudou,
nenhum recorde foi quebrado e poucos barcos tiveram
problemas, alguns encalhes, mas do resto só.
Aqui abaixo o vídeo do team Spindrift que estava
babando para quebrar o recorde de Loick com esse mesmo
trimarã, mas na época chamava Banque Populaire, você
falou profissionalismo, eles expelem isso pelos poros!




BALTIC YACHTS


Não caro amigos esse não é mais um lançamento da 
Baltic Yachts, esse é o lançamento de uma história,
vou explicar, esse projeto de Judel Vrolijk teve uma
aceitação que o estaleiro não esperava, esse é o 
lançamento do primeiro de 10 encomendas, com valor
de 12 milhões de Euros, o estaleiro tem encomendas
até fevereiro de 2019, sucesso e mais sucesso. Nós não 
temos ainda as imagens da parte interna, mas o que 
foi mostrado já dá para ter uma nítida ideia de como o





OPEN 60

Jornalista e Marinheiro Fabrice Amadeo é tão apaixonado por seu trabalho
 como por corridas de oceano, ele optou por uma vida compartilhada entre 
o escritório e o oceano. A Rota do Rum 2014 reforçou a convicção de que  
depois de aprender a navegar em uma baía, depois de ter atravessado
 o Atlântico sete vezes, ele estava pronto para novos horizontes, por isso
fez um novo e lindo Open 60 que foi lançado essa semana, o barco será
usado na Vendée Globe e na Transat Jacques Vabre.
Mais um para tentar fazer diferente o que todos querem fazer
igual!




PAMPEIROS




Uma coisa que nunca mais vou esquecer na vida é
ter tido a oportunidade de velejar no Rio da Prata,
como falava nosso monossilábico capitão:
"Esse lugar não tem humor", eram a palavras
que podiam descrever a nossa situação.
que depois soubemos que na verdade o que 
pegamos foi filho menor, o Pamperito, mas mesmo
assim filho da P*&@! Nós estávamos em um tanque
de guerra chamado Fast 395, pense em um barco forte,
agora esse nosso amigo, pegou uma porranca parecida
com um barco de 25 pés de madeira. O que acontece é que 
pegamos as porradas de frente e ele está lindo, fofo e
gosmento no vento de popa!


quinta-feira, agosto 20, 2015

Super Trimarã Macif sai do forno

Nós já sabíamos que ele seria lindo, pelo andar da 
carruagem dificilmente esse super trimarã, o mais
moderno do mundo, seria meia boca, ele tem 100 
pés e está apto a voar, sim amigo a voar por
cima dos mares, pois esse é o primeiro trimarã 
feito com hidrófilos desde a sua origem, diferente
de alguns que estão sendo "cambiarrados" no sistema,
diferente também dos ACs que foram feitos apenas para
regatas costeira, essa máquina foi feita para quebrar recordes,
ela foi feita para estabelecer novos limites de tempo em todo
tipo de competição e travessia, ela veio para impor um
novo paradigma de velocidade. Eu sei que talvez você
cético não acredite, mas tenha certeza, será!
Abaixo dois vídeos, um do Team Macif e outro de um
Francês doido!! E outra coisa, esquece a Dilma um pouco
e compartilha essa matéria, todos nossos patrocinadores
e a tia Lúcia do café agradece!




Full

quarta-feira, agosto 19, 2015

Gitana - Time lapse de um Open 60

A construção de um barco moderno é envolto em
tanta tecnologia e segredos que somente alguns
construtores tem a coragem de mostrar. O Team
Gitana não pensa assim e fez um TIME LAPSE de 
tirar o fôlego, sem palavras para a qualidade desse
vídeo, a quantidade significativa de informações
e processos. O Team Gitana voltou esse ano com
força total e acreditando que Sebastian Josse faça
a diferença na Vendée Globe, só para você caro
amigo e cara amiga entenderem, esse é o 6º barco
novo que foi feito exclusivamente para estar na 
linha de largada da VG no ano que vem, então 
imagina como será a disputa, simplesmente sensacional,
barcos modernos e com condições REAIS de disputa.
Algo que em uma regata de volta ao mundo "non Stop"
faz toda a diferença.
Abaixo o Time lapse fantástico e depois o lançamento
da Máquina!!



Launch

terça-feira, agosto 18, 2015

Rolex Fastnet -

Na Rolex Fastnet os primeiros barcos chegam e para você
que gosta de regatas vai perceber que o Comanche está levando
um pau do Rambler 88, o que isso significa? A redenção de 
Juan K que quando fez o 88 disse para George David o feliz
comprador do Rambler que 88 pés seriam suficiente para ele
bater a máquina de velejar de 100 pés Comanche.
Não acabou ainda, mas pelo tracking parece que 
vai ser muito difícil reverter a situação.
Fora isso é uma pena que não tenha tido vendo na
chegada dos barcos a rocha!


Comanche e sua turma


O Spindrift fazendo a rocha

Gitana - Voar, voar e voar

Quem acompanha o site sabe que nós sempre trouxémos
as informações sobre as mudanças mais significativas
no meio náutico mundial, quando o Banque Populaire
quebrou o recorde da Jules Verne e o mestre Loick 
Peyron falou que o próximo a bater esse recorde teria
que ser um barco que usasse Hidrófilos, que se aproveitasse
também da força desse elemento para chegar a velocidades
que os multicascos não conseguem, então, em cima disso
vários multicascos estão tentando se aperfeiçoar nessa
questão, primeiro foram os Américas Cup, com os 
seus monstros de 72 pés, as imagens que esses barcos
criaram serão lembradas para a eternidade e hoje temos
o antigo Mod 70, aquela classe que foi vendida como 
ouro e se transformou em m3r*@, com isso os barcos
que sobraram ficaram interessantes e com um preço 
atrativo para se testar, esse foi colocado Hidrófilos,
veja abaixo o resultado.


J111 Blur - Hoje no almoço temos...Vento!

O J111 Blur fez uma travessia em direção ao mar
do norte para cumprir uma das regatas em seu
extenso circuito anual, o que eles não esperavam
era pegar uma porranca como essas, é muito legal 
você pegar um vento de popa com um mar desses,
é só descer ondas e mais ondas em loop infinito
até o seu destino, mas que as vezes não passa nem
uma agulha, isso não dá para ver nas imagens,
ainda bem!!


Race to Alaska - Documentário

 A Equipe Waterlust é uma velha conhecida de todos
nossos 120 repórteres, 64 cinegrafistas e 18 caboman,
até a dona Lucinda, a mulher do café, também conhece
a verve dessa galera, os caras são muito bons. No fim do 
ano passado nós tivemos a regata Race to Alaska, na
verdade mais uma competição de quem chegar ganha
só por chegar, pois eram barcos de todos os tamanhos
e tipos, mas o que importa aqui é que a galera do Waterlust
fez um breve documentário sobre a participação de dois
irmãos a bordo de um catamarã de 22 pés, uma história
muito legal, recheada de estupendas imagens. O incrível
é que você só vê aqui!! Mas se procurar direito tem também
em outros lugares...rs

segunda-feira, agosto 17, 2015

SuperYacht Amel 60 metros de absurdos

Os proprietários nunca querem mostrar o interior dos
seus barcos, querem preservar a intimidade dessas embarcações
que são verdadeiros palácios flutuante (clichê), claro que os
fabricantes de barco querem que outros compradores vejam
os barcos que eles constroem e falando de barcos assim, fica
uma briga daqueles que querem anonimato e de outros que
querem que todos saibam que seus barcos estão sendo vendidos!
Nessa briga quem perde somos nós, mortais que sonham em 
um dia ganhar na mega sena e comprar um desses, já que a 
mega é um sonho difícil, venha sonhar conosco a bordo
do ventoesom, mas desfrutando pelas espias esse monstro,
lindo, feroz e de 80 milhões de doláres!


Rolex Fastnet 2015 - Os monstros foram soltos


Progresso durante a noite na Rolex Fastnet Race tem sido melhor do que o esperado com a maioria da frota de ter sido atraído para o meio do Canal seguinte à tentação de ventos mais fortes.

Em 0800 esta manhã os principais multihulls tinha passado Fim da Terra e foram abordar o lado sul da Separação de Tráfego Esquema leste das Scillies. Inevitavelmente, o maior 40m Spindrift 2 tinha gumes para a liderança durante a noite, mas tinha apenas sete milhas à frente do americano Lloyd Thornburg MOD70 Phaedo³, firmemente ajuntado com Musandam Oman Sail e-Multi 80, Prince de Bretagne. Na época Spindrift 2 navegava em pressão, fazendo 14 nós, enquanto os barcos atrás só eram 8-10 de gestão. Na época Sete Pedras navio luz off extremidade da terra estava gravando 8-9 nós de vento da ESE.

As grandes monohulls da frota estavam fazendo um trabalho impressionante pendurado em coattails de os homens da frente multicascos, que por esta fase da prova têm normalmente desempenhadas um trabalho horizonte em suas únicas rivais casco. No entanto em 0800 de Jim Clark e Kristy Hinze Clark 100 pés Comanche era apenas 12 milhas de popa de Spindrift 2. Mas o desempenho mais impressionante entre os grandes monohulls é a de do alemão Dieter Schon Maxi 72 MOMO, segundo na água, à frente de ambos Rambler de George David 88 e Leopard 100 pés de Mike Slade.

Actualmente, o lobo a sul de uma área de alta pressão é alargado a toda Cornwall e para o sul no Canal isso abrandou o grupo de barcos que acaba de passar o Lizard. Principalmente Isso tem penalizado os anos 60 IMOCA, que estão fazendo apenas 2-4 nós com a Rolex Fastnet 2013 Vencedor da corrida IMOCA SMA (anteriormente MACIF) navegou por Paul Meilhat e duas vezes vencedor do Vendée Globe Michel Desjoyeaux nominalmente na frente. Também neste grupo de barcos indo a lugar nenhum lentamente é o VO70 Camper, o VO65 Equipe SCA ea Paradox trimaran 63 pés

Embora seja muito cedo, nesta fase, a considerar os resultados de handicap, junto de presente Peter Harrison TP52 Sorcha é líder global em IRC (IRC e Zero), enquanto na classe Canting Keel é a Cookson 50 Privateer of American Ron O'Hanley que está à frente , indicando que as primeiras 20 horas de barcos têm favorecido este tamanho. Em 0800 Privateer foi de 12 milhas a leste do Lagarto com Sorcha seis milhas à frente dela, os dois barcos fazendo 6,5 nós.

Logo atrás deles no Class40s, é Quarenta radical de Tony Lawson (1) O design Concise 8, sendo comandado nesta ocasião pelo jovem Jack Trigger, que está levando à frente da Bélgica rodada o marinheiro mundo Michel Kleinjans 'Kiwi 40 Visita Bruxelas - Roaring Forty 2 ea favoritas, Tales II de Espanha de Gonzalo Botin. Em 0800 Concise 8 ainda estava 20 milhas da Lizard tornando 6.4 nós.

Oito milhas atrás de seus companheiros de equipe conciso, Sul Africano Phillippa Hutton-Squire com seu todo-menina da tripulação em Akilaria RC2 Hed Kandi relatou:

"Tem sido um complicado - não o mais fácil de noites. Nós fomos empurrados um pouco para baixo em um esquema de separação de tráfego e foi dirigido com um monte de maré durante a tentativa de manter o barco indo no que brisa tivemos. As meninas foram great; empurrando muito, muito difícil, muitas mudanças de vela, lotes de sono, então tudo bem.

"No curso estamos fazendo muito bem. Temos 9-11 nós de vento de nordeste, que é mais do que o previsto e por isso estamos empurrando ao longo bem debaixo do grande rosa Hed Kandi kite. "

Tonnerre após o início da corrida. Foto: Rolex / Daniel Forster

Logo atrás dos pilotos da frente Class40 em IRC 1 é todo preto GP42 Tokoloshe do Sul Africano Mike Bartholomew que está liderando na água, mas a entrada de US Anita van Oeveren o Swan 45 K-Force está à frente em IRC.

IRC 2 tem de Maxime de Mareuil francês X-41 Laranja mecaniX para fora na frente, mas com Ross Applebey familiarizado Oyster Lightwave 48 Scarlet Oyster frente por um nariz sob IRC. Em 0800 esta manhã as IRC 2 corredores da frente eram passado Start Point.

Tomando uma opção mais largo valeu a pena para o líder IRC 3, de Nicolas Gaumont-Prat First 40.7 Philosophie IV e em 0800 esta manhã que ela estava a apenas três milhas a ré de Scarlet Oyster e apenas à frente de um excesso maciço de barcos, devido ao sul de Start Point . Entre este encontro foram os 32 pés Figaro II um designs, liderados por Artemis 23 comandado pelo Andrew Baker.

Apenas ré deste grupo, um outro barco fazendo bem no mar foi de Noel Racine JPK 10,10 Foggy Dew, levando IRC 4 tanto em IRC e na água.

Até à data, tem sido apenas uma reforma - do americano Bryon Ehrhart Reichel Pugh 63 Lucky, recente vencedor da Corrida Transatlântica. Ela encalhou nas telhas ao sair do Solent ontem à tarde e teve de aceitar ajuda externa para ser rebocado fora.

A previsão de hoje não é bom com o lóbulo da alta pressão devido a expandir a criação de uma zona sem vento entre as ilhas de Scilly ea Lizard. 


Press Release - Traduzido pelo tio Google!


Press Release - Traduzido pelo tio Google!

quarta-feira, agosto 12, 2015

Rolex Fastnet 2015 - Todos os Recordes ao mesmo tempo

Falar que a regata Rolex Fastnet é uma das mais empolgantes
que temos no calendário das regatas em volta do mundo é
repetir um mantra manjado, ela estará fazendo 90 anos
no domingo dia 16/08 e nessa data vai colocar mais de
400 barcos na linha de largada. Quando falamos 400
embarcações estamos falando dos maiores e melhores
barcos que já foram feitos, são monocascos e multicascos
de todos os tamanhos e de todas as nações, não é brincadeira 
não. Tudo isso pode ser acompanhado em tempo real, ou seja
a tecnologia vai te levar para dentro da regata, pode ser pelo blog
São muitos barcos esperançosos em quebrar o recorde
principalmente nessa data histórica de 90 anos.
É esperar pra ver!
Abaixo dois vídeos muito legais, o primeiro o teaser
da regata e o outro o trimarã Mod 70 Concise deslizando
e muito.  


Teaser


Concise






segunda-feira, agosto 10, 2015

Regata SSANZ - Ironia

A Regata chama "segurança no mar", 
uma ironia sutil que você vai perceber 
ao assistir o vídeo. Regatas de duplas são
muito mais difíceis que as com equipe, em
primeiro lugar pela obviedade de quantidade
de tripulantes e também pelas manobras que
ficam muito mais difíceis. Na verdade a 
regata caminhava para uma boa e tranquila 
competição entre barcos e multicascos, eu 
disse caminhava, pois quanto apertou o vento...
Aí é a hora que faltam mãos, sobram xingos
e até irmão desconhece irmão!!
Espero que gostem...eu adorei!



SSANZ Safety at Sea Triple Series - Race 2 from Live Sail Die on Vimeo.

quarta-feira, agosto 05, 2015

Skate Pro Master Super Hiper Max Tudor Vip

Quando esses 3 loucos Skatistas de Quebéc resolveram numa
 linda manhã de verão canadense descer uma estrada
em alta velocidade em seus skates, não esperavam que 
atingissem uma velocidade de 100 km.
Simplesmente sensacional!
Ouça apenas com o som do vídeo!@!

Como formar uma equipe com um homem só!

Juntar todas as forças em uma só questão talvez seja
a coisa mais difícil em uma equipe, não acredito que
seja o tipo de pessoas que formam uma equipe que
possa leva-la para o sucesso, nem as suas condições
de equipamentos, nem o comandante, tudo gira em
torno de propósito e ação. Quando você tem uma
equipe que acredita naquilo que está fazendo, ninguém
vence, pode ser vendendo carnê do baú ou correndo
uma Sidney-Hobart. Aqui vemos um exemplo disso,
temos um proeiro que está mais determinado que
tudo, mas a equipe está mais perdida do que nada.
Muito legal!!!


segunda-feira, agosto 03, 2015

Teahupoo - Code Orange

Teahupoo é famosa pela suas esquerdas fantásticas,
elas são perfeitas, tem muita massa de água e
fazem a festa de quem tem oportunidade de surfar
em um local maravilhoso como esse. Na semana
passada tivemos o CODE ORANGE que é uma escala
antes de proibir os surfistas e entrar na água.
 Aproveitando isso o Vídeo Maker Timothée Pruvost,
pegou seu equipamento e acompanhou a surfada
dos nativos, simplesmente incrível ver a força
desse mar em ação!


Teahupoo Orange Code July 2015 from Timothée PRUVOST on Vimeo.

Chegamos a um outro nível - Robbie Maddson

Neste final de semana, uma das empresas que patrocinam Maddison divulgou
 um vídeo, no qual o australiano pilota uma moto em uma trilha de
 terra e sobre as águas.

Como isso é possível? Segundo os responsáveis, a equipe do dublê trabalhou 
para desenvolver uma moto com o motor selado para evitar a entrada de água. 
Além disso, o veículo conta com esquis adaptados nas laterais e com um
 pneu traseiro com ranhuras capazes de empurrar água.

O resultado você vê no vídeo acima: Maddison pilota sua moto sobre as
 águas do Oceano Índico, e inclusive surfa uma onda na Polinésia Francesa.



quarta-feira, julho 29, 2015

Regata em Florianópolis - Avelisc

Todos que já foram velejar em Florianópolis sentiram na
pele a dificuldade de ganhar dos barcos de lá, também 
com um quintal daqueles é a química certa pra unir talento e
bons velejadores. Eu recebi do amigo/irmão Alessandro Almeida,
que é um dos responsáveis pela Avelisc, um vídeo que tenho 
prazer em divulgar para todos que acompanham o site, além
de ser de um amigo e amigo não tem defeito, o vídeo é
de uma primazia como poucos, é muito bom ver que a
diversão rolou solta na Lagoa da Conceição!
E o ano que vem estaremos aí para o Circuito, aguardem!
Espero que gostem!
Facebook da Avelisc: https://www.facebook.com/avelisc


segunda-feira, julho 27, 2015

Américas Cup - Vergonha mundial!

É simplesmente inacreditável o que está acontecendo com 
a ACs, eles não disponibilizaram NADA para NINGUÉM,
ou seja, não temos nada de imagens das duas regatas que 
ocorreram no Sábado, domingo foi cancelada, eles estão
Quer dizer, não teremos mais aquelas regatas ao vivo e
a cores que passavam a adrenalina certa para quem gosta
de regatas, tudo isso por enquanto acabou, eu não sei o que
passa pela cabeça desses organizadores, outra coisa o evento 
estava vazio, foi um fiasco, mas gostaríamos de pelo menos
ver...Que grande palhaçada!




Maravilha de Extreme Series!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...