quarta-feira, outubro 29, 2014

Super Sail Yacht Comanche - Velejando pela primeira vez

Hoje recebemos um vídeo da primeira velejada do Super
Barco Comanche, um 100 pés de mais de 6 milhões de 
Dólares que será usado para bater todos os recordes
de monocasco que foram inventados pelo homem moderno.
Esse vídeo não havia sido feito para a vinculação
na internet, pedimos autorização a
Morgan Trubovich, responsável pelas imagens e fizemos
a nossa versão, não sei se o vídeo é excelente, mas
o barco eu sei que é, nós estamos acompanhando a 
construção dessa máquina a quase 15 meses e agora
podemos perceber como o projeto é ousado e como
o barco é moderno, arrojado e assustador.
Uma outra coisa que nos chamou a atenção é que
um gênio da informática que lucrou muito com ações
do Face, Twiiter e Apple, ele fez o barco, mas talvez
não participe da 1º regata, ou talvez de nenhuma muito
longa, pois com 70 anos ele sabe que o brinquedo é mais
para poder satisfazer o ego do que sentir o prazer de veleja-lo.
No link você vai ver uma entrevista dele para a CNN, muito
reveladora nas intenções que ele tem com o barco e o 
porquê nessa altura da vida, entrar em um desafio como
esse. A pergunta que não quer calar, é porquê os nossos
ricos não se espelham em um homem como esse, com 
certeza teríamos mais super veleiros nesse país que
se plantando, tudo dá?

Comanche from vento e som on Vimeo.

Volvo Ocean Race - Rumo ao S do Brics

A África do Sul está na proa e o vento começa a zumbir
na cabeça de todos que velejam na Volvo Ocean Race,
acabou doldrums e agora começa as zonas de alta
pressão de Santa Helena, quem sair dali sem pagar um
preço alto, pode ter colocado pelo menos uma mão
na taça da perna. Hoje liderando, o Team Brunel teve uma luz
ontem, eles resolveram acreditar que o vento rondasse
e aumentasse de força, com isso roubaram a liderança
do Team Abu Dhabi, que vem em 2º a mais de 22 milhas
atrás, o outro pelotão está a mais de 90 milhas e começam
a desconfiar da cigana que leu suas mãos em Alicante.
Por enquanto o projeto criado por Farr Design parece robusto,
parrudo e com muita vontade de não dar problemas para
as equipes, claro que o vento forte ainda não chegou, por
isso eles ainda não foram testados no limite.
Os vídeos de hoje são da rotina diária das equipes, com 
algumas histórias que são contadas pelas imagens de
ótima qualidade feita pelos mídias Crew!


Volvo Ocean Race - Posições  29-10 - 12:40

SCA


Highligts



Dongfeng

Sim nós conseguimos!!!

Desde que eu sou criança eu ouço falar que 
um  dia os carros voariam e naquela tenra idade,
já com o ceticismo em voga, eu nunca acreditei.
Vieram os anos e a tecnologia sempre nos 
surpreendendo eu comecei a acreditar, mas
ainda achava que iria demorar muito, a relação de
potência e peso poderia ser um problema, mas 
agora é real.....
E você sabe o que tudo isso tem a ver com 
o vento e som, Tudo!!! 
 Logo voltaremos ao nosso dia a dia...

segunda-feira, outubro 27, 2014

Um Navio de 250 mil toneladas solto

Imagina um vento de 40 nós e um navio Balsa se solta
e com suas 250 mil toneladas invade o local aonde ficam
os veleiros e as lanchas, imaginou...isso mesmo....
então veja se foi assim que você imaginou.
As corretoras de seguro da Grécia devem estar um
pouco preocupadas e atarefadas.
Ainda bem que não morreu ninguém no acidente,
mas depois alguns proprietários passaram muito
mal ao ver a cena!

Horror 1


Horror 2

Volvo Ocean Race - O pássaro continua voando em primeiro lugar

Já são 16 dias de regata e parece que as posições foram
definidas, desde o princípio acreditávamos que o Abu Dhabi 
estaria entre os primeiros, claro que ainda faltam 2500 milhas
e muita coisa pode acontecer, mas Ian e seus garotos estão
fazendo um tremendo trabalho. A vida nos veleiros já se
transformou em rotina, todo mundo sabe o que tem que
fazer e faz, como uma indústria, seus turnos, suas paradas
pro almoço e a ida para casa (cama), no outro dia começa tudo
de novo, algumas embarcações já estão racionando a comida,
pois a previsão eram de 20 dias, levaram comida para 24 e
possivelmente levará 26, 27 dias, é poupando que se tem.
Eu torço muito para que o Team SCA saia do último lugar,
isso vai motivar as meninas a fazerem as outras pernas com
mais afinco, se chegarem em último isso pode ter o efeito
inverso e elas não se sentirem no mesmo nível dos homens.
 Hoje temos muitos vídeos legais, tive um trabalho enorme
para escolher os melhores, realmente não foi fácil, mas
acho que o melhor são as "punições" do Rei Netuno
para os velejadores que nunca cruzaram a linha do Equador,
eles tem que confessar os pecados e pagar as punições,
ver os tripulantes com bom humor, depois de tantos
dias longe da civilização e da família é demais.
É isso, espero que gostem!





A águia Voa...


Rei Netuno


Montanha Russa

sexta-feira, outubro 24, 2014

Sexta Som - Milton Nascimento - A Sede do Peixe

Em dezembro de 1997, no Rio, Milton Nascimento 
juntou amigos e convidados como Caetano Veloso, Alcione, 
Skank, Nana Caymmie Gilberto Gil no especial "A Sede
 do Peixe".Dirigido por Lula Buarque de Hollanda e 
Carolina Jabor, o programa foi exibido inicialmente
 pelos canais Multishow e HBO.
Quando eu vi esse especial eu pensei na hora em
colocar aqui e disponibilizar para os amigos e 
amigas que nos visitam todos os dias, dias sim,
dias não, uma vez por semana, ou sei lá, uma vez
por mês, não importa todos são bem vindos, voltando
ao documentário, ele é simplesmente uma obra prima
que mostra a história de um gênio e que teve a sorte
de só conhecer pessoas inteligentes e que ajudaram
muito nessa carreira vitoriosa.
O documentário é aquela coisa de boteco, de história
gostoso de ver!!


Rolex Middle Race - Wild Joe chegando

A Rolex Middle Sea Race é uma regata que ocorre
entre algumas ilhas da Itália, ela sempre é tranquila,
mesmo tendo ventos fortes o seu forte é o vento
fraco (noooosssa, vixe...), mas esse ano a coisa
foi bem diferente, dos 122 barcos que largaram,
52 desistiram e alguns estão chegando ainda hoje.
No vídeo abaixo a chegada do 54 Wild Joe, veja
o que o vento faz com um monstro de 54 pés, para
o vento ele não é nada, a tripulação sofreu muito,
mas com a buzina da chegada tudo é esquecido!
Segundo os sobreviv...quer dizer competidores, 
foram 30 horas de ventos de 30 a 48 nós, detalhe
30 horas!!! Loucura, loucura, loucura como dizia o
poeta...




Stromboli!
Mapa do Percurso

Volvo Ocean Race 2014 - Adeus linha do Equador

Todas as equipes estão comemorando a saída das
temidas Doldrums, aquele marasmo ficou para trás
e no momento as velas tem que ser ajustadas, pois
possivelmente eles terão vento até a África. As posições
não estão alteradas e Team Abu Dhabi permanece em 
primeiro lugar com o Team Brunel em segundo lugar,
eles estão a 25 milhas de Fernando de Noronha e não 
vão parar no forró do Cachorro, infelizmente para eles.
As Doldrums fez muitas vítimas, deixou equipes desperancosas
de conseguir qualquer coisa nessa perna, fez também 
heróis como o tático e navegador Simon Fisher, com 3
VOR nas costas ele sabe bem o que são os Doldrums
e conseguiu escapar, mas trouxe o Team Brunel, o que
pode causar problemas no futuro.
Nos vídeos abaixo, muitas belas imagens da camera
louca do pessoal do Team Dongfeng, o rei Netuno
esperando a hora certa para fazer as suas vítimas
e muito, mas muito pouco vento...rs
Espero que gostem, dá um trabalhão!




Dongfeng e sua câmera maluca


Team Alvimédica


Rei Netuno

quinta-feira, outubro 23, 2014

Foto da Quinta - A vida em equilíbrio...

Aháaa! Pensaram que eu esqueceria de nossa foto
da quinta? Não meus amigos, não! Ela está aí em dose
dupla e com peso, se é que vocês me entendem, outra
coisa o cara em cima do costado não é o Gereba de 
Ilhabela, Não É!! Certeza!!
Eu acredito que o mais engraçado das fotos é que 
eles estão aí na boa esperando ajuda e o primeiro
barco que passa em vez de ajudar, tira foto!
Outra coisa, tem um no mastro, se ajeitando, pensativo!!
Muito Cômico!!


Quando você estiver ao lado de um Grande Navio...

FIQUE ATENTO, 
CABEÇUDO!!!!!!!!!!!!


quarta-feira, outubro 22, 2014

Super Barcos - Wauquiez Pilot Saloon 55

O Estaleiro Wauquiez foi fundado em 1965 por Henri
Wauquiez, ele um conhecido amante da beleza e da
qualidade, trouxe isso para os seus barcos, sempre
teve em sua mente que a qualidade tem que vir antes
da quantidade. Hoje o Estaleiro já produziu mais de 
66 pés, uma indústria da navegação ativa e sempre
disposta a inovar. Esse barco que está sendo 
mostrado hoje é o Pilot Saloon 55, você pode se
perguntar Pilot Saloon, o que é isso? Esse conceito
é um avanço no conceito de mais espaço criado pelo
DS (Deck Saloon) que tem o casario bem alto e a
atenção ao conforto levado ao máximo. No PS isso
é levado a 5º potência, pois o barco fica ainda mais alto,
e você "tem condições" de guia-lo de dentro da cabine,
pois a visão é de mais de 180 graus. Quanto ao que
é bonito ou não, fica a gosto de cada um, ele as 
vezes parece esquisito, assim visto de longe, se
estivesse na minha frente, com o documento no meu
nome eu acharia um dos barcos mais lindos do mundo,
porém a distância...rs
Espero que gostem, é diferente e tem muitas qualidades.


Volvo Ocean Race 2014 - É agora ou nunca mais

Estamos fazendo atualizações a cada 2 dias, se 
você quiser ou precisar de informações com maior
rapidez o site da Volvo tem muito mais informação, 
porém ele é muito chato, muito lento, muito complicado,
muito sofisticado, muito social, muito uma bosta!
Nós entramos nos sites das equipes se quisermos
ver algo diferente ou assistimos a todos os vídeos
para poder entender algo a mais do que está exposto.
As atualizações, enquanto conseguirmos, será feita 
a cada 2 dias, pois em uma regata como essa de
longa duração, fora algum acidente, demora muito
para que as estratégias comecem a funcionar e
é isso que está acontecendo no momento, como
previsto, quem negociou melhor com os Doldrums,
está na frente, Abu e Brunel estão com uma ótima
folga, muito acima do que qualquer fã preveria,
são 87 milhas de vantagem, isso sim é uma
vantagem, quem está acreditando em uma virada
do vento é o Team Vestas, eles simplesmente
abusaram da arribada e estão com uma altura
considerável, se o vento rondar eles tem muitas
chances de assumir uma ótima posição a frente
do 2º pelotão. Quanto aos vídeos, agora começamos
a receber um bom material o melhor até agora é
o do Team Mapfre, que mostra o quanto os VOR 65
podem andar e o absurdo de levar uma orçada do 
Team Vestas em pleno oceano, depois de 2000 milhas
de regata...incrível!
Espero que gostem e é isso aí!
Não compartilhem pois não quero o imaculado nome
Vento e Som no meio da sujeira que o Facebook está
produzindo, deixa o lixo baixar para voltarmos...rs
Ah! outra coisa, é uma pérola o vídeo do Vestas, pérola,
quais são as suas coisas favoritas nessa regata?
Dormir?





Loucura


Cabo Verde


 Coisas preferidas

terça-feira, outubro 21, 2014

Mova-se!!!

Não tem nada a ver com vela e eu sei disso, não precisa
nos dizer, nós percebemos, percebemos também que nos
meios náuticos temos muitos ciclistas, por isso é uma 
homenagem a todos eles...
Vejam até o final, pois tem uma manobra que eu 
fico em dúvida da autenticidade..rs
Esse vídeo também poderia ter o selo: Pense!!!
Mas pense mesmo, num cara louco!!


segunda-feira, outubro 20, 2014

Tudo ia bem quando....

Um dos fatores interessante de se praticar a vela Oceânica
são as regras, como funciona isso, quando você deve dar 
passagem e quando não, um mundo vasto de informações
que só aumenta o seu conhecimento e aprendizado.
Não dá para andar de automóvel sem respeitar as 
placas, indicações, regras e uma série de fatores
inventados pelo homem para evitar colisões, no mar
é igualzinho, não prestou atenção e....

VOR 2014 - Atualização

Esse fim de semana as posições dos barcos passaram por
algumas mudanças, o Team Dongfeng depois que perdeu
o leme teve o primeiro lugar recuperado pelo Team Abu
Dhabi e o que todos queriam aconteceu perto de Cabo
Verde, a flotilha se dividiu, de um lado Mapfre, Dongfeng e
Vestas e do outro Abu Dhabi, Brunel, Alvimédica e SCA,
infelizmente essa separação não trouxe nada de tão positivo
para nenhum dos lados, ou seja, só velejaram distante
entre eles durante 36 horas, agora todos  juntos de novo
rumo a Fernando de Noronha. Um detalhe está chamando a 
atenção o Team SCA, somente com mulheres é o último
colocado a 64 milhas atrás, o que será que está acontecendo,
será a fadiga, estratégia errada, por terem pego o barco
antes do que qualquer outra equipe, era de se esperar que elas
conseguissem um performance melhor ou igual, nós sabemos
que equipes só de mulheres são competitivas em regatas
curtas, mas serão nesse tipo de regata, aonde ainda a
força física é um diferencial?
O nosso o seu Abu Dhabi é o líder, como eu sempre
acreditei, mas é totalmente utópico falar em
favorito, a diferença para o 2º é de apenas
5 milhas, algo em torno de 15 minutos, muito pouco.
Vamos ficar atentos a descida dos barcos depois de FN e ali
teremos o provável vencedor.
Espero que gostem dessas poucas palavras e dos vídeos
que separamos para a matéria.





Cabo Verde

Mapfre

Alvimédica

sábado, outubro 18, 2014

VOR - Não está fácil pra ninguém

Como você acha que esses velejadores se alimentam durante
os 25 dias que ficarão on board, durante essa perna?
No Team Vestas a refeição que é mais servida e com 
o melhor tempero é o bom humor, sem ele, com certeza
a gororoba que chamam de comida, teria um sabor muito
pior, do que já tem!




Uma das coisas perigosas que você enfrenta 
quando veleja são as redes de pescadores, alguns
ainda sinalizam corretamente, ou até ficam em campana 
para ver se algum barco passa em cima delas, o problema
para os veleiros são suas quilhas, que mesmo escapando 
das redes tem os cabos que as conduzem, o Team SCA
passou por essa experiência nada agradável, mas 
eu acho que o perigo maior que elas passaram foi
estar tão perto de pescadores, naquele lugar e naquela
hora, imagina se os caras são mal intencionados,
7 mulheres sozinhas em um barco!rs
Acredito que elas pensaram nisso sim, mas
duronas do jeito que são, eles é que tinham que
ter medo...



O Team Brunel também teve que enfrentar os seus percalços,
pelo menos tinham um triatleta que não se importou em entrar
na água, naquele momento. O Capitão estava sentindo que
o barco não estava em suas totais condições e foi 
só dar uma olhada na quilha para perceber que alguma
coisa estava errada.


HPE - Perda de Mastro no Campeonato Brasileiro

Tudo ia muito bem, o vento ajudava, as manobras aconteciam,
tudo caminhava para mais uma regata aonde as coisas
se encaixavam, mas é só tudo estar bem, para que tudo dê
errado. Perder um mastro é uma das coisas mais chocantes
que pode acontecer em um veleiro, eu já passei por isso e
não gosto nem de lembrar, o silêncio é aterrorizante, nós
estávamos a 18 milhas da terra e não tinha barco de apoio,
mas aqui na Classe HPE, as regata não são tão fora da
costa e dá para perceber que tinha um barco de apoio bem
perto, mas duvido que alguém não tenha sentido isso, duvido!
O importante é que entre mortos e feridos, todos se salvaram.
Agora é ajudar a indústria do alumínio a aumentar as suas vendas,
do jeito que a coisa tá, com certeza teremos um índice melhor
na indústria combalida e sem ajuda do governo medíocre!


VOR - Team Dongfeng perde o leme e a liderança

Chineses do Dongfeng perdem liderança após quebra do leme

A noite deste sábado (18) não foi nada boa para os chineses do Dongfeng Race Team no Oceano Atlântico. O barco, que liderava a primeira etapa da Volvo Ocean Race, ficou quase uma hora parado após bater em um objeto não identificado, resultando na quebra do leme. O violento impacto assustou a tripulação, que foi obrigada a adotar soluções rápidas para voltar a navegar rumo a Cidade do Cabo.

O repórter a bordo Yann Riou relatou o procedimento após o pequeno acidente. "Tínhamos duas opções, colocar um leme provisório de emergência ou retirar o que restou do antigo leme e colocar um novo no lugar. Decidimos pela segunda opção. O Thomas Rouxel colocou a roupa de mergulho e pulou na água para fazer a substituição. Claro que estamos todos decepcionados. Não é justo, mas faz parte".

O Abu Dhabi Ocean Racing assumiu a liderança da primeira etapa após o contratempo do Dongfeng Race Team, que segue em segundo lugar. O problema ocorreu na costa africana.

Os chineses não foram os únicos que sofreram na madrugada. Team Brunel e Team SCA indicaram também pequenos problemas no curso, como rede de pescas na quilha, por exemplo. Os ventos fracos devem adiar em pelo menos dois dias a chegada a Cidade do Cabo, na África do Sul.



sexta-feira, outubro 17, 2014

Sexta Som - Carlos Santana

Para aqueles que acharam que eu tinha esquecido, esqueçam!
Eu voltei para mostrar algo muito legal do super instrumentista

Carlos Alberto Santana Barragán, mais conhecido como Santana ou Carlos Santana (Autlán de Navarro, 20 de julho de 1947), é um conhecido multi-instrumentista e compositor mexicano. Tornou-se famoso na década de 1960 com a banda Santana Blues Band, conhecida posteriormente apenas como Santana - mais precisamente com a sua atuação no Festival de Woodstock em 1969, onde ganhou projeção mundial.
Biografia

O pai de Carlos Santana era um violinista de mariachi, e o jovem Carlos inicialmente aprendeu o violino, porém mudou para a guitarra quando tinha 8 anos de idade. Depois que a família mudou-se para Tijuana, Santana começou a tocar em casas noturnas e bares. Ficou em Tijuana quando sua família decidiu mudar para São Francisco, nos Estados Unidos, porém logo se juntou a eles. Em 1966, ajudou a formar a Santana Blues Band, nome posteriormente encurtado para Santana. A banda começou a tocar no Fillmore West Auditorium, onde muitas das grandes bandas de São Francisco começaram. A primeira gravação de Santana foi The Live Adventures of Mike Bloomfield and Al Kooper, com Al Kooper e Mike Bloomfield.

Depois de assinar com a Columbia Records, Santana lançou um álbum auto-intitulado Santana. O grupo consistia, na época em: Carlos Santana (guitarra), Gregg Rolie (teclado e vocais), David Brown (baixo), Belen Garay (bateria), Jose Areas e Michael Carabello (percussão). Na turnê que fizeram para divulgar o álbum (que incluía os sucessos "Jingo" e "Evil Ways"), a banda tocou no Festival de Woodstock. A apresentação aumentou enormemente a popularidade do Santana. Santana se tornou um grande sucesso, tal como o álbum Abraxas, de 1970 (destacando a música "Oye Como Va") e Santana III, de 1971. Em seguida, a formação original do Santana se desfez. Gregg Rolie se tornou um dos fundadores da banda Journey.

Carlos Santana manteve o nome e utilizou diversos músicos diferentes para continuar a turnê pelo país, lançando vários álbuns. Durante este período, Carlos adotou o nome "Devadip", dado a ele pelo líder espiritual Sri Chinmoy. Vários álbuns foram lançados nas décadas de 1970 e 1980, incluindo colaborações com Willie Nelson, Herbie Hancock, Jones, Wayne Shorter, Ron Carter e The Fabulous Thunderbirds. Em 1991, Santana apareceu como convidado no álbum "Solo Para Ti", de Ottmar Liebert, nas músicas Reaching Out 2 U e numa versão de sua música Samba Pa Ti. Carlos Santana foi incluído no Hall da Fama do Rock em 1998.

Carlos Santana lançou em 1999 o álbum Supernatural, que teve as participações de Rob Thomas, Eric Clapton e Lauryn Hill, ganhando prêmios Grammy em nove categorias, no ano seguinte, igualando um record histórico que somente Michael Jackson detinha.

Santana costuma usar guitarras PRS de modelo próprio (Signature). Foi aclamado pela revista Rolling Stone como o 20º melhor guitarrista de todos os tempos.

Além de ser considerado como um dos maiores guitarristas de todos os tempos, desde o álbum Supernatural que as suas parcerias são aclamadas no mundo artístico, sendo que os seus álbuns mais recentes são os melhores exemplos.


No vídeo abaixo a sensacional performance do Gênio com Deus, Eric Clapton! 



Volvo Ocean Race - Atualização

Antes de eu falar qualquer coisa, deixo aqui o meu repúdio 
quanto a esse novo site da VOR, HORRÍVEL, ele se preocupa
com a interação de todos e não nos informa de nada.
Antes você encontrava facilmente as notícias dos
barcos, agora você tem que procurar, procurar e nada!
E os vídeos que o pessoal da VOR fazia, eram incríveis,
eles juntavam todas as melhores imagens que recebiam
das equipes e criavam ótimos vídeos, agora, nada.
Falando sobre a regata, as posições sofreram poucas
alterações e uma coisa que alguns previam aconteceu
o Team SCA só de mulheres, está em último lugar a 
33 milhas dos outros barcos, isso depois de apenas 5
dias, espero que elas se recuperem, mas isso pode ser
o desgaste, que em mulheres é muito maior do que nos
homens. O Team Dongfeng está liderando com um
batalhão atrás deles a apenas 2 milhas, está tudo 
embolado. Todos as embarcações estão fazendo
a mesma tática, descendo, lambendo o continente
Africano, na edição passado os barcos optaram
por sair um pouco mais, mas é claro que o vento
era outro e os barcos diferentes entre si, parece
que por serem One Design, ou seja, todos praticamente
iguais, eles não querem arriscar e sim ficar perto um
dos outros para que só na hora H arriscar, perto da
Cidade do Cabo, é isso que parece.
Eles receberam a visita de uma fragata Espanhola
que trouxe alegria e um pouco de medo, pois o bote
poderia ser de alguns piratas, muito comum naquela
região aonde eles estão passando.
Vejam os vídeos e a posição dos barcos e 
por enquanto é isso.


O Líder mostra o cansaço de todos e como estão as 
coisas com os chineses, mas eles poderiam pelo menos
falar em Inglês!!!



Vida a bordo do Team Alvimédica e também mostra o 
quanto os barcos estão próximos.



O Susto no Team SCA...